3.8 C
Bruxelas
5 Dezembro 2022

Vitória fácil dos Dragões

Clique para ampliar Não houve surpresa em Aveiro, após o empate da pretérita jornada consentido frente ao Olhanense no Estádio do Dragão. Quanto ao Beira-Mar, o futuro é sombrio face aos jogos que se seguem – Setúbal, Benfica e Paços de Ferreira.

O FC Porto iniciou a partida desta sexta-feira acusando o peso do empate da última jornada com o Olhanense.

Vítor Pereira deixou James no banco, preferindo jogar com Atsu na ala esquerda e que justificou em pleno a escolha do técnico não só por ter aberto o ativo aos 35’ como também se revelou o elemento mais codicioso dos bicampeões nacionais,

O Beira-Mar, que não desfrutou de qualquer oportunidade de golo na primeira parte, limitou-se a suster as investidas de Jackson Martinez, alvo da marcação cerrada de Hugo e Jaime, permitindo mais espaço a Izmaylov que nos minutos iniciais pôs à prova os reflexos do guardião Rui Rego.

Os Dragões dominaram toda a primeira parte e só por infelicidade não logrou obter mais golos face ao caudal ofensivo bem organizado por João Moutinho e Lucho.

Os aveirenses abdicaram do médio Rui Sampaio para reforçar com Serginho na expetativa de dar mais velocidade.

Contudo, o meio campo do FC Porto não vacilou e o intervalo chegou com a vantagem dos azuis e brancos, numa primeira parte praticamente de sentido único.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/vitoria-facil-dos-dragoes

Artigos relacionados

Últimos artigos