21.4 C
Bruxelas
17 Agosto 2022

Visita de Merkel pode “descambar em violência”

Clique para ampliar O Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo (OSCOT) considera “bastante provável” que a contestação social aumente durante a visita da chanceler alemã Angela Merkel a Portugal e receia que alguns protestos possam vir a “descambar em violência”.

A visita da chefe do governo alemão a Portugal, prevista para 12 de Novembro, é uma visita de alto risco e já está a ser preparada ao mais alto nível pelas forças e serviços de segurança portuguesas.

Segundo o porta-voz do OSCOT, Felipe Pathé Duarte, afirmou à Lusa, é provável que o nível de contestação social nas ruas “suba para outro patamar” devido à “forte carga simbólica” que a visita de Angela Merkel terá.

“É bastante provável que o nível de contestação social aumente e que esta ascenda a um patamar mais violento, já que se vai tentar chamar a atenção da própria Angela Merkel para a situação portuguesa. E isso pode descambar em violência”, afirmou.

Esta visita, lembrou, decorre num altura em que Portugal atravessa momentos de “forte contestação social e política” – e relatórios, quer do Serviço de Informações de Segurança (SIS), quer do Sistema de Segurança Interna, apontam para a possibilidade de haver violência associada às manifestações sociais.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/visita-de-merkel-pode-descambar-em-violencia

[ Passos: Reduções de despesa chegaram ao limite ]

[ Dívida custa 17 mil euros a cada português ]

Artigos relacionados

Últimos artigos