3.8 C
Bruxelas
8 Dezembro 2022

UGT quer aumentos salariais de pelo menos 2%

Clique para ampliar A UGT reivindicou aumentos salarias de 2 a 3 por cento para 2013 e o aumento do Salário Mínimo Nacional (SMN) para os 500 euros em janeiro do próximo ano.

A reivindicação integra a proposta de política de rendimentos que o Secretariado Nacional da central sindical aprovou e que servirá de referencial aos seus sindicatos.

A proposta, a ser divulgada em conferência de imprensa, prevê uma nova atualização do SMN a 1 de julho de 2013 e um aumento de 10 euros para as pensões mínimas.

A UGT reivindica ainda um aumento de 3 por cento para as pensões até 600 euros e um aumento idêntico para as prestações sociais.

FONTE: Bomdia.lu

[ Vítor Gaspar diz que troika aceitou flexibilização do défice ]

[ Pensões descem entre 3,5 e 10 por cento ]

Artigos relacionados

Últimos artigos