23.7 C
Bruxelas
8 Agosto 2022

Tapete de Arraiolos é ‘monumento’

Clique para ampliar Um ‘monumental’ Tapete de Arraiolos, com 30 metros quadrados e criado por Carlos Noronha Feio, vai ser exposto pela primeira vez em Portugal, no Museu da Luz, na Aldeia da Luz (Mourão), a partir de 5 de Janeiro.

A exposição vai estar patente até 7 de Abril, na Sala da Luz do núcleo museológico, divulgou esta sexta-feira a Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva (EDIA), que gere o equipamento.

O tapete, produzido pela Casa dos Tapetes de Arraiolos, segundo referiu a EDIA, mostra “uma imagem bélica, mas de esperança”.

A intenção do autor da tapeçaria foi a de ilustrar “o momento em que um foguetão está a ser lançado para o espaço levando consigo produtos que representam uma humanidade una”, acrescentou a empresa gestora do Alqueva.

Carlos Noronha Feio dedica-se, desde 2008, a produzir Tapetes de Arraiolos, os quais expõe pelo mundo.

No caso concreto deste tapete, a sua produção teve o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian, no Reino Unido.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/tapete-de-arraiolos-e-monumento

Artigos relacionados

Últimos artigos