21.4 C
Bruxelas
17 Agosto 2022

Sporting vence Metalist com um olho nas meias

Clique para ampliar Sporting e Athletic de Bilbao ficaram em rota de colisão para as meias-finais da Liga Europa de futebol, após vencerem o Metalist e o Schalke 04 na primeira mão dos “quartos”.

AZ Alkmaar e Atlético de Madrid também ganharam frente ao Valência e ao Hannover 96, ambos por 2-1, e poderão encontrar-se na fase seguinte da prova.

Em Alvalade, o Sporting esteve a ganhar por 2-0 até praticamente ao final do encontro com golos de Izmailov (51 minutos) e Insúa (64). Os “leões” somaram aliás a 11.ª partida consecutiva sem derrotas em competições europeias.

Os ucranianos do Metalist conseguiram reduzir, aos 90+1 minutos, pelo brasileiro Cleiton Xavier, na transformação de uma grande penalidade, a punir falta de Rui Patrício sobre o suplente Devic.

Uma pequena “nódoa” na exibição do guarda-redes “leonino”, que foi dos melhores jogadores em campo, mas que mesmo assim não bastou para o Metalist, melhor ataque na presente temporada da Liga Europa, evitar a primeira derrota fora na competição.

No caso de garantir a qualificação na próxima quinta-feira, o Sporting poderá encontrar o Athletic de Bilbao, que venceu em Gelsenkirchen, por 4-2, depois de ter estado a perder, por 2-1.

Llorente inaugurou o marcador para os bascos, a aproveitar um erro de Timo Hildebrand, antigo guarda-redes do Sporting e que saiu ao intervalo, mas o veterano espanhol Raul virou o marcador, como golos aos 22 e 60 minutos, aumentando para 76 o seu pecúlio nas competições europeias.

O mesmo Llorente fez o empate, aos 73, e a reta final do Athletic acabou por ser demolidora, com golos de De Marcos (81) e Muniain (90+3), que garantem um jogo quase tranquilo no San Mamés.

No Vicente Calderon, Falcao fez o golo 400 do Atlético de Madrid em competições europeias, logo aos nove minutos, mas o Hannover, com o português Sérgio Pinto a titular, empatou ainda no decorrer da primeira parte (38) por Diouf.

O golo da vitória dos “colchoneros” chegou encostado ao apito final (89), num grande golo do antigo benfiquista Salvio, num jogo em que Tiago foi convocado, mas não foi utilizado por Diego Simeone.

O AZ Alkmaar também vai viajar com a vantagem mínima na deslocação a Valência, depois de vencer os espanhóis do Valência, por 2-1, com golos do australiano Holman (45+1) e do belga Maarten Martens (79).

O golo do Valência foi apontado pelo turco Mehmet Topal, aos 52 minutos, com assistência do defesa internacional português Ricardo Costa.

FONTE: Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos