24.9 C
Bruxelas
8 Agosto 2022

Sem Osama o petróleo é mais barato

Clique para ampliar O barril de Brent caiu esta segunda-feira mais de um por cento no mercado de Londres, depois de se conhecer a notícia da morte do líder terrorista da rede Al Qaida, Osama Bin Laden.


Os futuros do Brent para entrega em junho seguiam a cair na ordem de 1,3 por cento esta manhã em Londres ao cotar-se a 124,35 dólares.

Pelas 09.45 o petróleo cotava-se a 124,99 dólares, menos 0,90 dólares que no fecho da semana passada.

Os especialistas em Londres atribuem acreditam que há pouca probabilidade de ocorrerem eventuais ataques de grupos terroristas ligados à Al Qaida, com a morte o seu líder Bin Laden.

Outros analistas avançam mesmo que a morte de Bin Laden poderá diminuir os riscos de segurança e ajudar o consumo petrolífero nos Estados Unidos.

Nas últimas semanas, o petróleo subiu consideravelmente devido à violência na Líbia e à instabilidade política nos países do Médio Oriente, embora a Arábia Saudita tenha aumentado a sua produção para combater o aumento dos preços do “ouro negro”.

Artigos relacionados

Últimos artigos