6.5 C
Bruxelas
6 Dezembro 2022

Salários penhorados a cerca de mil militares da GNR

Clique para ampliar Há cerca de mil pedidos de penhora de salários a militares da GNR este ano. A estimativa foi feita, esta terça-feira, pelo ministro da Administração Interna.

De acordo com Miguel Macedo, este é um número que não tem sofrido grande oscilação nos últimos três anos.

O ministro falou à margem da cerimónia de entrega de espadas aos novos oficiais da GNR, que decorreu nas Ruínas do Convento do Carmo, em Lisboa.

Esta foi uma reacção à denúncia da Associação Sócio-Profissional Independente da Guarda (ASPIG) para o surgimento de militares em insolvência pessoal, sugerindo que estes possam recorrer às cantinas da GNR a um preço simbólico.

Num comunicado assinado pelo presidente, José Alho, a ASPIG sublinha que estão a aumentar as situações “em que o agregado familiar já não dispõe de meios e condições para conseguir assegurar, de forma sistemática, o seu sustento e/ou o pagamento das suas dívidas”.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/portugal/salarios-penhorados-a-cerca-de-mil-militares-da-gnr

Artigos relacionados

Últimos artigos