4.7 C
Bruxelas
29 Novembro 2022

Portugueses da Venezuela são uma referência

Clique para ampliar O presidente da câmara municipal venezuelana de Santiago Mariño, na ilha de Margarita, considerou hoje que os portugueses são “uma referência” para outros cidadãos do país pela persistência, capacidade de adaptação e dedicação ao trabalho.

“Os comerciantes que vieram de Portugal, na sua maioria, fizeram desta terra a sua terra para o fortalecimento económico familiar e isso tem servido como emblema, como referência para pessoas de outras nacionalidades”, disse Alfredo Díaz.

O autarca falava à agência Lusa no final de um encontro com o cônsul-geral de Portugal em Caracas, Paulo Santos, que esteve na ilha de Margarita, no âmbito de um programa de visitas aos locais na Venezuela onde residem portugueses, para conhecer melhor a comunidade e contactar com as autoridades locais.

“Temos confiança neles. São gente trabalhadora, que dedicou toda a vida ao desporto, ao comércio às infraestruturas, pessoas que investiram em padarias, em restaurantes e isso é referência para este município”, frisou.

Alfredo Díaz explicou que há portugueses que investiram na área turística. “Construíram hotéis que aumentaram a disponibilidade de muitas mais camas para o turismo no município”, disse.

O autarca agradeceu aos portugueses que escolheram Santiago Mariño “para empreender o crescimento pessoal, económico e comercial”.

Santiago Mariño é um dos principais municípios da ilha de Margarita, onde residem 1.500 portugueses, na sua maioria oriundos da Madeira.

FONTE: Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos