11.2 C
Bruxelas
8 Agosto 2022

Porto: Festa de S. João chama menos turistas espanhóis

Clique para ampliar A taxa de ocupação hoteleira para o fim de semana de S. João, no Porto, situa-se nos 60 por cento e regista-se um menor número de reservas comparativamente a anos anteriores, em especial do mercado espanhol, disse fonte do setor.

De acordo com o presidente da Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo (APHORT), Rodrigo Pinto Barros, “o ritmo de reservas está muito lento” e “regista-se uma redução em relação aos anos anteriores do mercado espanhol”, designadamente da Galiza.

O dirigente observou, contudo, de que há a expetativa de que surjam reservas “last minute” (de última hora).

Segundo dados fornecidos pelo presidente da APHORT, a taxa de ocupação dos hotéis do Porto para o fim de semana de 23 e 24 de junho – altura das festas de S. João – situa-se nos “60 por cento”, havendo um “nítido abaixamento de reservas”.

“Ainda não estamos numa fase de desespero, porque há a expetativa de que surgirão reservas ‘last minute’, que vão animar o setor e amenizar as perdas dos últimos tempos”, acrescentou Rodrigo Pinto Barros.

Rodrigo Pinto Barros afirma-se “apreensivo”, mas diz acreditar que a taxa de ocupação para o S. João ainda possa chegar aos valores de 2011, que se situou entre os “65 e 70 por cento”, indicou.

A Festa de S. João deste ano terá o tradicional fogo-de-artifício no Rio Douro na noite de 23 para 24 de junho, mas estão previstos cerca de 30 eventos, com destaque para a música e a prova de vela “Extreme Sailing Series 2012”, que contará com a presença de velejadores de 15 nacionalidades, entre os dias 05 e 08 de julho.

FONTE: Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos