3.8 C
Bruxelas
8 Dezembro 2022

Pistorius disparou contra amigo um mês antes de crime

Clique para ampliar O atleta paralímpico que é o principal suspeito do homicídio da namorada terá, um mês antes deste homicídio, disparado contra um amigo, num incidente ocorrido num restaurante em Joanesburgo.

De acordo com o jornal sul-africano ‘Beeld’, Oscar Pistorius, estaria com a pistola de um outro amigo, já identificado como Kevin Lerena.

Lerena, que é ‘boxeur’, contou agora a experiência, também interpretada como “estranho acidente”, revelando que Pistorius disparou a arma e a bala atingiu o chão, a poucos centímetros do pé do amigo.

“A arma pertencia a um dos seus amigos… e eu queria vê-la”, justificou Lerena. O disparo de Pistorius assustou de tal maneira o ‘boxeur’, que o paralímpico esteve vários dias a pedir desculpa.

Formalmente acusado da morte da sua namorada, a modelo Reeva Steenkamp, Pistorius cancelou, entretanto, a sua presença em todas as provas que tinha agendado, anunciou o seu empresário, Peet Van Zyl.

“Após os trágicos acontecimentos, ficou decidido que não temos outra opção senão cancelar todas as futuras provas em que Oscar Pistorius tinha decidido competir”, explicou Van Zyl, num comunicado publicado esta segunda-feira.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/internacional/mundo/pistorius-disparou-contra-amigo-um-mes-antes-de-crime

Artigos relacionados

Últimos artigos