4.7 C
Bruxelas
30 Novembro 2022

Nelson Évora: Vamos dar o melhor em Londres

Clique para ampliar Nelson Évora, ouro no triplo salto em Pequim2008, garantiu que “os atletas portugueses vão dar o melhor” nos Jogos de Londres2012, competição que vai falhar devido a lesão, mas rejeitou antecipar um número de medalhas conquistadas.

“Eu não falo em medalhas, eu não sou a pessoa indicada para falar sobre isso, mas tenho a certeza de que todos vão dar o seu melhor e surpresas acontecem”, afirmou Nelson Évora aos jornalistas, após a cerimónia de abertura da Semana Olímpica, enquanto, ao mesmo tempo, dava autógrafos às mais de 100 crianças que compareceram no Jamor.

O atleta português, que em janeiro sofreu uma fratura na tíbia da perna direita que o impede de competir nos próximos Jogos, disse que vai estar em Londres para dar o “máximo apoio”.

“Adoro ver desporto e muitas vezes como atleta não consigo assistir. Desta vez vou poder desfrutar dos Jogos Olímpicos de outra forma e dar o máximo de apoio. Não estou ansioso para os Jogos, estou mais ansioso para o meu regresso. Neste momento, é essa a minha contagem decrescente”, disse.

Agora com 27 anos, Nelson Évora recordou episódios da sua infância e como começou a dar os primeiros passos no triplo salto, com o jogo da mosca à mistura.

“Era algo que me lembro de jogar desde os sete anos, quando vim para Portugal. Foi a minha primeira experiência do triplo salto. Foi algo natural. Competia com o filho do meu agora treinador e eramos um pouco loucos. Jogávamos na calçada e não nos importávamos com isso, atirávamos-mos como se fosse areia. Eramos muito competitivos”, contou.

Na história do “pequeno” Nelson Évora, pelo meio ficaram os ídolos Fernanda Ribeiro, Carlos Calado e Javier Sotomayor, uma passagem pelo salto com vara e experiências “pouco felizes” pelo tiro com arco e até mesmo no desporto de velocidade.

“Lembro-me de participar em eventos deste tipo, foram experiências que me marcaram muito. Não é um desporto olímpico, mas tentei o kart e sofri logo um acidente. Prometi a mim próprio que quando fosse adulto nunca mais iria andar de kart. Também fiz tiro com arco, mas falhei o alvo e devo ter acertado num pássaro qualquer”, brincou.

Na Semana Olímpica, que decorre de 26 de maio a 3 de junho e é organizada pela Comissão de Atletas Olímpicos, é esperada a participação de 6.000 jovens estudantes dos 1.º, 2.º e 3.º ciclos, que no Jamor vão experimentar mais de 20 modalidades.

Os Jogos Olímpicos de Londres2012 decorrem entre 27 de julho e 12 de agosto.

FONTE: Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos