4.7 C
Bruxelas
30 Novembro 2022

Mais de 225 mil lâmpadas e cerca de 443 mil microlâmpadas dão luz ao Natal do Funchal

Clique para ampliar Mais de 225 mil lâmpadas e cerca de 443 mil microlâmpadas vão iluminar o Natal na cidade do Funchal, revelou hoje fonte da empresa responsável pela instalação que, no sábado, acende uma parte significativa das luzes.

Fonte da Luzosfera, empresa que venceu o concurso para a criação e construção dos motivos e para a montagem e desmontagem das iluminações decorativas nas festas de Natal, nas passagens de ano 2012/2013 e 2013/2014 e nas festas de Carnaval de 2013 e 2014, disse que o investimento conta com 225.528 lâmpadas e 443.280 microlâmpadas.

A estes números há a somar, ainda, 25.002 metros de mangueira luminosa, usada nos contornos dos motivos decorativos, com 900.072 microlâmpadas, informou a empresa.

Os trabalhos de instalação começaram no dia 15 e envolvem cerca de 120 trabalhadores, adiantou a mesma fonte, explicando que, este ano, são o branco e o vermelho as cores dominantes da iluminação natalícia na capital madeirense, onde vão sobressair cinco centralidades.

A primeira, no Mercado dos Lavradores e zonas circundantes, contempla elementos etnográficos e tradicionais regionais, como o traje e calçado típico, o carro de cestos ou o bordado Madeira.

A segunda centralidade, na Praça do Município e área adjacente, privilegia pormenores das vivências e tradições da época natalícia do mundo, enquanto junto à Sé Catedral e ruas envolventes são os elementos de cariz religioso a sobressair.

Já no cais da cidade, avenida do Mar e das Comunidades Madeirenses e ainda em artérias da zona a população e turistas vão poder ver elementos da cultura universal e, por fim, na zona hoteleira a iluminação vai incluir a fauna e a flora, como orquídeas, magnólias ou pássaros.

“Uma das novidades, junto à Sé, é a colocação de dois anjos gigantes e, na avenida Arriaga, por exemplo, destacam-se três bonecos de neve também de grande dimensão. Na praça do município foram instaladas duas árvores de Natal com cerca de 20 metros cada”, referiu a fonte, explicando que no cais do Funchal “velas vão dar a sensação a quem chega de barco de continuidade do mar”.

A primeira fase das iluminações de Natal ganha luz no sábado, mas apenas nas ruas compreendidas entre a rotunda do Infante e o Mercado dos Lavradores, dia em que começa, também, o programa de animação, que inclui diversas iniciativas musicais, etnográficas ou solidárias. A segunda e última fase acende a 08 de dezembro.

A Luzosfera acrescentou que de 01 de dezembro a 07 de janeiro as luzes estão acesas das 18:00 à 01:00. A exceção é nos dias 23, 24 e 31 de dezembro, dias em que a iluminação apaga às 06:00.

Entre o dia de Natal e 30 de dezembro, a iluminação permanece ligada entre as 18:00 e as 03:00.

O Governo da Madeira vai gastar cerca de dois milhões de euros no programa de animação de Natal e fim de ano, menos 32 por cento do que com o cartaz de 2011, anunciou na quinta-feira a secretária regional da Cultura, Turismo e Transportes, Conceição Estudante.

“O programa tem um orçamento global de pouco mais de dois milhões de euros, quando em 2011 foi de três milhões”, disse a governante.

Conceição Estudante salientou a diminuição de 35 por cento no valor investido nas iluminações (que custarão 1,2 milhões de euros) – concurso que foi impugnado junto do Tribunal Administrativo e Fiscal do Funchal – e de 16% no espetáculo de fogo-de-artifício, orçado em cerca de 750 mil euros.

LUSA

Artigos relacionados

Últimos artigos