3.4 C
Bruxelas
5 Dezembro 2022

Jesus: “Temos de correr riscos”

Clique para ampliar “Temos de correr riscos. A partir do momento em que assumimos o desejo de ir à final temos de seguir em frente e assumir riscos, embora alguns calculados”, disse ontem Jorge Jesus na antevisão do jogo de hoje, na Luz, diante do Newcastle, para a 1ª mão dos quartos de final da Liga Europa.

Para o treinador do Benfica, “a eliminatória não vai ficar decidida já” até porque, vincou, vai enfrentar o adversário mais forte, até ao momento, na prova. “Se chegou aos quartos de final é porque é melhor do que Bordéus e Bayer Leverkusen”, frisou.

O facto de o Newcastle lutar pela permanência na Premier League (15º com 33 pontos, três sobre as equipas que estão na zona de descida) não tranquiliza o técnico português: “O que se passa no campeonato não tem muito a ver com estes jogos europeus, até porque nos últimos 12 jogos na prova só perdeu um”. O avançado Cissé e o médio Sissoko são, para Jorge Jesus, as grandes ameaças de uma equipa que é “muito forte nas saídas”.

Sobre a provocação do técnico dos ‘Magpies (Alan Pardew disse que, em Inglaterra, o Benfica estava a lutar pelos oitavo ou décimo lugares), Jesus afirmou: “Temos andado na Champions e o Newcastle não anda muito por essas bandas. Ainda no ano passado eliminámos o Manchester United, que não sei em que posição está, se em primeiro ou se joga para o 10º lugar [lidera em Inglaterra]”.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/sport/benfica/jesus-temos–de-correr-riscos

Artigos relacionados

Últimos artigos