1.8 C
Bruxelas
3 Dezembro 2022

Jackson vilão e herói mereceu final feliz (vídeo)

Clique para ampliar Digno de Hollywood. O FC Porto venceu ontem o Rio Ave, conseguindo a liderança isolada do campeonato, num jogo que mais parecia um filme, com um protagonista bem vincado: Jackson Martínez fez de vilão, de bom e ainda de herói.

Antes das cenas mais interessantes do enredo, interessa contextualizá-las. A equipa de Vítor Pereira ressentiu-se do esforço resultante da excelente exibição frente ao Málaga (vitória, por 1-0), para a Liga dos Campeões. Com processos lentos, as oportunidades azuis-e-brancas praticamente não existiram na 1ª parte, com o Rio Ave a mostrar-se ameaçador através de contra-ataques.

Até que chega o penálti sobre Izmailov. Jackson Martínez, marcador de serviço, pegou na bola, respirou fundo e tentou à Panenka. Para Oblak, foi como tirar um doce a uma criança. A aumentar o drama, apareceu Braga – outra vez ele, que já marcara dois tentos pelo Leixões, em 2008/09, na última derrota caseira portista para a Liga –, que fez um golo após passar Helton com um chapéu.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/atualidade/jackson-vilao-e-heroi-mereceu-final-feliz

Artigos relacionados

Últimos artigos