2.4 C
Bruxelas
2 Dezembro 2022

Já cheira a marchas

Clique para ampliar As 22 coletividades ‘alfacinhas movimentam 1500 marchantes nas apresentações e no desfile.

Está tudo a postos para a grande festa das Marchas Populares de Lisboa. O desfile na avenida da Liberdade (noite de 12 para 13) é o ponto alto, mas antes há três apresentações (7, 8 e 9, às 21h30) no Meo Arena (antigo Pavilhão Atlântico), onde as coletividades, num total de 1500 marchantes, mostram ao público e ao júri o resultado final de meses de ensaios.

Em tempo de crise, a poupança é palavra de ordem. Da parte da Câmara de Lisboa, o ‘bolo de 594 mil euros é distribuído em ‘fatias de 27 mil para cada marcha. O custo final, no entanto, fica entre 30 e 40 mil (os figurinos são a parte mais dispendiosa), o que obriga as coletividades a arranjarem outras fontes de financiamento e a muita “carolice”.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/atualidade/ja-cheira-a-marchas

Artigos relacionados

Últimos artigos