7.3 C
Bruxelas
26 Novembro 2022

Golo de Moutinho justifica bilhete

Clique para ampliar Sétima vitória no campeonato português. O FC Porto saiu do relvado do Dragão com o sentimento de dever cumprido, ainda que tenha vencido pela diferença mínima e feito a 1ª parte mais sonolenta da 9ª jornada. Golos de James e João Moutinho chegaram para derrubar a Académica e reforçam a invencibilidade caseira dos portistas, num dia em que os concorrentes – Benfica e Sp. Braga – se encontravam também em acção.

Wilson Eduardo, o homem que tramou o Atlético de Madrid na Liga Europa, voltou a aparecer de pé quente, reduzindo a desvantagem dos estudantes a 10 minutos do fim, após um ressalto e com a ajuda de Helton, que deixou a bola passar por baixo do corpo. Mas a Académica nunca colocou o triunfo portista em causa nem fez uma exibição mais agradável do que os dragões. Teve o mérito de os enredar numa teia defensiva (até ao intervalo), só que se perdeu quando Pedro Emanuel deu ordem para subir.

Na prática, abriram-se espaços na área dos estudantes, onde João Real estava a ser um autêntico bombeiro, a apagar todos os indícios de fogo. Depois, foi o filme do costume. Com o relógio a pressionar, com João Real a perder pulmão e o público a perder a paciência, por causa do sono que se instalou no estádio, o atrevimento do colombiano James fez a diferença.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/actualidade/golo-de-moutinho-justifica-bilhete

Artigos relacionados

Últimos artigos