1.8 C
Bruxelas
3 Dezembro 2022

FC Porto diz que não recebeu nenhuma proposta do Chelsea

Clique para ampliar O Chelsea vai pagar os 15 milhões de euros da cláusula de rescisão e contratar o treinador de futebol do F. C. Porto André Villas-Boas. O treinador terá dito sim ao convite de Abramovich, mas a SAD portista comunicou à CMVM que não tem conhecimento de que a cláusula de rescisão será exercida.


O F. C. Porto comunicou à Comissão de Mercado e Valores Mobiliários (CMVM) que André Villas-Boas, assim “como diversos jogadores do F. C. Porto” tem uma cláusula de rescisão.

“Até à presente data, esta sociedade não recebeu qualquer comunicação que esta cláusula ia ser exercida, nem o acordo do treinador a tal desiderato”, pode ler-se no comunicado, de dois parágrafos, foi emitido após solicitação da CMVM e publicado no site da entidade que regula os mercados às 12.01 horas.

No domingo, Pinto da Costa já tinha dito que se alguém “bater a cláusula de rescisão”, de 15 milhões de euros, “e se ele quiser sair, o F. C. Porto não pode fazer nada”.

Aparentemente, André Villas-Boas está disposto a deixar “a cadeira de sonho” no Dragão para regressar a Londres, ao clube em que trabalhou com José Mourinho.

André Villas-Boas já terá anunciado à SAD do F. C. Porto a decisão de rumar ao clube inglês, que, assim, só terá de pagar o valor da rescisão, disse à Agência Lusa fonte ligada ao processo.

Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos