3 C
Bruxelas
5 Dezembro 2022

Famílias poupam até 47 € por mês

Clique para ampliar É um mínimo histórico. A Euribor a seis meses, taxa que serve de principal referência ao crédito à habitação em Portugal, atingiu ontem 0,998%. A prestação mensal das casas vai baixar para quem tenha os seus contratos revistos em Junho. Assim, um empréstimo de 100 mil euros, a 30 anos, pode vir a custar menos 31,92 euros/mês: de 401,44 euros, em Abril de 2011, para 369,52 €, tendo em conta uma estimativa feita no simulador do Banco de Portugal, para um ‘spread’ de 1%.

No caso de o empréstimo ser de 150 mil euros, a 30 anos, a diferença é superior e atinge-se uma poupança próxima dos 48 euros/mês (47,88 €). Mas, as contas não se aplicam a novos contratos com os bancos.

Hoje, quem quiser comprar casa tem de suportar um crédito à habitação com um ‘spread’ de 6,5%, muito acima da média aplicável há alguns anos.

Num mercado em crise profunda, a decisão do Tribunal de Portalegre, ao considerar que a entrega de um imóvel ao banco salda a dívida do proprietário, está a assustar o sector financeiro. No seguimento desta decisão, Leonor Coutinho, da SEFIN, pede ao Governo que legisle. “É necessário que o Governo avance com legislação, porque os bancos estão numa posição difícil, mas dominante. Ainda por cima estão a estragar o mercado imobiliário”, disse ao CM a dirigente daquela associação de consumidores de produtos financeiros.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/economia/familias-poupam-ate-47–por-mes

Artigos relacionados

Últimos artigos