23.3 C
Bruxelas
14 Agosto 2022

Espetáculo português no festival Les Repérages

Clique para ampliar O espetáculo “Amo-te”, dos coreógrafos e intérpretes portugueses Flávio Rodrigues e Joana Castro vai ser apresentado no Festival Les Repérages, na Bélgica, a 24 de março, revelou hoje à agência Lusa uma fonte ligada à organização.

A escolha foi feita por Isabel Barros, coreógrafa e diretora do Balleteatro, companhia com sede no Porto, que integra o conselho artístico do Encontro Internacional de Coreografia Les Repérages, organizado pela Danse a Lille, em França.

O certame dedicado à dança decorre entre 22 e 24 de março, no primeiro dia em Lille, no segundo em Roubaix, cidades francesas, e o terceiro e último dia, em Charleroi, na Bélgica, explicou à Lusa Tiago Oliveira, responsável pela área da produção do Balleteatro.

“Em cada edição é escolhido um coreógrafo residente em Portugal que irá apresentar o seu trabalho. É uma oportunidade importante para os criadores portugueses se mostrarem lá fora”, sublinhou.

A peça coreográfica “Amo-te” em Português, estreada no Festival Imaginarius 2011, vai ser depois também apresentada no dia 17 de abril no auditório do Balleteatro, no Porto.

“Amo-te” resultou do interesse dos criadores de trabalhar em torno da ideia de relação, sobretudo a nível amoroso, e nas suas caraterísticas, na atualidade e no passado, levando em conta as questões da identidade cultural, da comunicação, da aproximação, do confronto e da dependência.

O Festival Les Repérages conta com um conselho artístico de 15 países, e cada estrutura parceira escolhe um coreógrafo, ou companhia, à exceção da França, que escolhe três, numa parceria entre Danse à Lille e o Centre National de Danse de Paris.

Les Repérages tem como objetivo trocar experiências entre artistas da dança contemporânea internacional, e funciona como um trampolim para jovens coreógrafos, organizando igualmente residências artísticas de verão.

O Balleteatro, enquanto parceiro do festival, organizou duas residências no Porto, em 2002 e em 2007, nas quais estiveram envolvidos, além dos artistas internacionais, artistas residentes em Portugal.

FONTE: Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos