1.8 C
Bruxelas
3 Dezembro 2022

Espanha: Desemprego já afecta quase 5 milhões de pessoas

Clique para ampliar O desemprego em Espanha voltou a aumentar para números recorde, afectando já mais de 4,9 milhões de pessoas e superando os 25 por cento. O número de desempregados inscritos nos centros de emprego aumentou 1,5% em Novembro, ou mais 74 mil pessoas. Segundo dados do Ministério do Emprego e Segurança Social, no final do mês passado estavam desempregadas 4.907.817 pessoas, o número mais elevado de toda a série histórica comparável, que começa em 1996.

“É sem dúvida um mau dado”, afirmou a ministro do Emprego e Segurança Social, Fátima Báñez, que falava num encontro em que participou o comissário europeu de Emprego, Laszlo Andor. A ministra disse porém que o governo está a “trabalhar todos os dias para mudar a situação” e declarou-se “convencida” de que, se o actual rumo de reformas continuar, o objetivo final vai ser alcançado. “Apesar de ter tomado decisões adequadas, que necessitaram de enormes esforços dos cidadãos, a recessão continua a ter efeitos dolorosos para todos os espanhóis”, disse Báñez.

Desde Novembro de 2011, o desemprego incrementou-se em 487.355 pessoas, o que corresponde a uma subida de 11%. O governo explica que os números de Novembro incluem os efeitos da extinção dos convénios especiais obrigatórios da Segurança Social para cuidadores não profissionais de pessoas dependentes.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/internacional/mundo/espanha-desemprego-ja-afecta-quase-5-milhoes-de-pessoas

Artigos relacionados

Últimos artigos