31.6 C
Bruxelas
13 Agosto 2022

Duarte Lima vai “responder exaustivamente” à acusação

Clique para ampliar O antigo deputado social-democrata chegou ao Campus da Justiça, no Parque das Nações, em Lisboa, cerca das 09h55, acompanhado pelos seus advogados.

O antigo deputado Duarte Lima disse esta terça-feira, à chegada às varas criminais de Lisboa, que as suas respostas à acusação do Ministério Público de burla qualificada “serão dadas exaustivamente” durante o julgamento.
O antigo deputado social-democrata chegou ao Campus da Justiça, no Parque das Nações, em Lisboa, cerca das 09h55, acompanhado pelos seus advogados, para o início do julgamento na 7.ª Vara Criminal de Lisboa, num processo juntamente com mais cinco arguidos em que são acusados de burla qualificada ao BPN de mais de 40 milhões de euros e de branqueamento de capitais.

O arguido fez uma declaração aos jornalistas para dizer que este processo “é composto essencialmente por duas peças: a acusação do procurador do Ministério Público, que tem sido amplamente divulgada”, e pela sua contestação, “onde “são rebatidas ponto por ponto as acusações”.

Duarte Lima disse ainda que confia no tribunal, “um órgão de soberania imparcial” e que as duas respostas à acusação de burla qualificada “serão dadas exaustivamente ao longo do julgamento”.

O arguido Vitor Raposo também já se encontrava nas varas criminais de Lisboa e à chegada disse que “confia na justiça” e que vai aguardar “com serenidade”.

“Confio na justiça e vou aguardar com serenidade o processo”, afirmou Vitor Raposo aos jornalistas, acrescentando que vai prestar declarações em tribunal.

Duarte Lima, que se encontra em prisão domiciliária com pulseira eletrónica, é o mais mediático dos seis arguidos deste processo, que está relacionado com a aquisição de terrenos no concelho de Oeiras, através de uma empresa – a Homeland -, constituída por Duarte Lima, pelo seu filho, Pedro Lima, e por Vítor Raposo.

A Homeland foi criada com a participação de 1,5 milhões de euros do BPN, por 4,2 milhões de euros de Vítor Raposo (então sócio de Duarte Lima) e igual capital do arguido Pedro Lima (filho do ex-líder parlamentar do PSD).

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/economia/duarte-lima-vai-responder-exaustivamente-a-acusacao

Artigos relacionados

Últimos artigos