3.4 C
Bruxelas
5 Dezembro 2022

Domingos: Porto venceu com justiça mas as coisas podiam ter sido diferentes

Clique para ampliar O treinador do Sporting de Braga, Domingos Paciência, afirmou que a final da Liga Europa de futebol podia ter sido “bem diferente” caso Mossoró tivesse marcado e Supanaru tivesse visto o cartão vermelho.


“O FC Porto é um justo vencedor pelo golo que fez. Pena o Mossoró não ter feito aquele golo e pena que o árbitro não tenha mostrado segundo amarelo ao Sapunaru. Assim seria bem diferente”, lamentou Domingos Paciência em declarações à SIC.

O técnico dos bracarenses referia-se a uma excelente oportunidade de golo que Mossoró desperdiçou no início da segunda parte e a uma falta de Sapunaru em que o juiz da partida “perdoou” o vermelho ao romeno, que já tinha visto um cartão amarelo.

“Estou triste, como os meus jogadores estão, por aquilo que foi o jogo. Não se viu uma superioridade tão evidente do FC Porto como toda gente esperava”, defendeu.

Domingos Paciência, que voltou a não querer abordar a sua possível transferência para o Sporting, referiu ainda que a segunda parte “pertenceu” à sua equipa.

“O FC Porto aproveitou um deslize da nossa parte. Na segunda parte, o jogo é do Braga, foi controlado pelo Braga. Mostrou que é uma equipa com grande ambição e muito querer”, disse o treinador.

O FC Porto venceu a Liga Europa, ao bater o Sporting de Braga, por 1-0, com um golo de Falcao, aos 44 minutos,em jiogo disputado na Arena de Dublin.

Bomdia.lu

Artigos relacionados

Últimos artigos