18.4 C
Bruxelas
16 Agosto 2022

D. José quer política de proteção à família

Clique para ampliar O cardeal-patriarca de Lisboa, D. José Policarpo, pediu ontem que Portugal promova uma “política de proteção à família” para superar a atual situação de crise em que o País se encontra.

“Olhemos corajosamente para o que está a acontecer às famílias: leis permissivas que não valorizam o aprofundamento dos seus valores constitutivos; leis fiscais que penalizam a família; a incapacidade de evitar que o drama do desemprego se abata sobre famílias inteiras”, referiu o cardeal na homilia, deixando a questão: “Para quando uma política de proteção à família?”

Durante a eucaristia do Dia Mundial da Paz, celebração que decorreu na paróquia de Rio de Mouro, no concelho de Sintra, D. José Policarpo afirmou que os portugueses estão a “lutar corajosamente para vencer um período difícil” da história.

O cardeal, que é também presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, abordou ainda a diminuição da taxa de natalidade, outra problemática que o País enfrenta. A diminuição da natalidade “põe em causa o futuro da comunidade huma-na” que se pretende “salvar”, sublinhou.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/sociedade/d-jose-quer-politica–de-protecao-a-familia

Artigos relacionados

Últimos artigos