2.6 C
Bruxelas
3 Dezembro 2022

Cratera pode ter origem no excesso de água

Clique para ampliar Já existem possíveis fatores que desmistificam a origem da cratera de 100 metros, que tem nos últimos dias despertado o interesse de vários populares curiosos.

O excesso de água nos solos poderá estar na origem do fenómeno geológico ocorrido em Marvão, no Alto Alentejo, que resultou na abertura de uma cratera com cerca de 100 metros de profundidade e 17 de diâmetro.

O geólogo Vítor Lamberto explicou esta terça-feira à Lusa que se trata de “um fenómeno típico” de zonas onde existem rochas calcárias e que em Portugal existem situações “similares”, embora “não tenham esta dimensão”.

O geólogo salientou que a cratera em Marvão é “interessante”, devido à profundidade e com “três pequenos sumidores”, mas fez questão de sublinhar que este caso não representa um episódio de “extraterrestres”.

Em declarações à Lusa, Mário Galego, rendeiro da propriedade onde o fenómeno ocorreu, mostrou-se “surpreendido” com a situação, que considerou “assustadora”.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/cratera-pode-ter-origem-no-excesso-de-agua

Artigos relacionados

Últimos artigos