20.3 C
Bruxelas
15 Agosto 2022

Clonagem feita em humanos

Clique para ampliar Cientistas acreditam que o avanço científico será importante no tratamento de doenças.

Um grupo de investigadores norte-americanos conseguiu clonar, pela primeira vez , as células-mãe de um adulto, um avanço científico que, em teoria, poderá ter implicações no tratamento e na cura de um vasto leque de patologias.

Recorrendo à técnica de transferência nuclear, os cientistas, liderados por Shoukhrat Mitalipov, da Universidade de Ciência e Saúde do Oregon, nos EUA, utilizaram óvulos de elevada qualidade extraídos de mulheres saudáveis, aos quais removeram o núcleo e introduziram uma célula adulta de um possível recetor. Após a eletroestimulação, o óvulo fertilizado entrou em desenvolvimento, facto que levou à criação de células-mãe.

“Os nossos resultados oferecem uma nova forma de gerar células-mãe de pacientes com tecidos e órgãos em mau estado ou deteriorados. Estas células mãe podem regenerar e substituir as que estão em mau estado e contribuir para a melhoria de doenças que afetam milhões de pessoas em todo o Mundo”, garantiu Shoukhrat Mitalipov, cientista russo responsável pela investigação.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/lazer/ciencia/tecnologia/clonagem-feita-em-humanos

Artigos relacionados

Últimos artigos