3.4 C
Bruxelas
5 Dezembro 2022

Cavaco: “Precisamos abrir horizonte de esperança”

Clique para ampliar Presidente da República fala para pessoas que vivem com maior dificuldade.

O Presidente da República, Cavaco Silva, disse esta esta terça-feira em Roma que o país precisa de apresentar um “horizonte de esperança” para as pessoas que estão a viver situações de maior dificuldade.

“Nós precisamos de abrir um horizonte de esperança, em particular para aqueles que estão desempregados, para aqueles numa situação de pobreza; um horizonte de esperança para os mais jovens, muitos deles sem emprego”, afirmou Aníbal Cavaco Silva aos jornalistas, na embaixada de Portugal junto da Santa Sé.

O chefe de Estado falava depois de ter participado na missa de inauguração do pontificado do papa Francisco, no Vaticano, o qual aludiu ao tema da esperança durante a sua homilia.
“Os portugueses precisam de esperança, uma janela de esperança, um horizonte de esperança”, insistiu Cavaco Silva.

O Presidente da República escusou-se, no entanto, a abordar qualquer tema “relacionado diretamente com a política portuguesa”. “Este papa é um sinal de esperança para o mundo e espero que seja também um sinal de esperança para Portugal”, acrescentou.

Cavaco Silva comentou ainda o apelo feito por Francisco I aos que “ocupam cargos de responsabilidade” no campo económico, político ou social, para que protejam as pessoas e o meio ambiente. “Sublinhou, de alguma forma, a responsabilidade dos agentes políticos”, particularmente na missão de “tomar conta de” todos os que são “mais fracos” e dos “pobres”, precisou o Presidente da República.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/cavaco-precisamos-abrir-horizonte-de-esperanca

Artigos relacionados

Últimos artigos